técnicas de memorização

Técnicas de memorização para concurso público – As mais EFICAZES!

As melhores técnicas de memorização para concursos públicos, demanda um certo tempo para aprender.

Porém, quando se aprende de fato fica muito mais fácil memorizar o que vier pela frente.

Contudo, estas técnicas são ideais para concurso público.

Todavia, porque sempre acontece de você estudar o dia todo e quando chegar na hora, esquecer da metade do que perdeu horas lendo e relendo.

Sendo assim, é por este motivo que os grandes especialistas em concursos públicos criaram as técnicas de memorização.

Eu, em minha experiencia com provas digo que muitas delas funcionam, e escolhi as principais delas para que possamos juntos aprender mais.

Vamos então neste artigo aprender as principais técnicas de memorização e desta forma encarar a prova do concurso público com garra e força.

Em primeiro lugar precisamos lembrar que na hora dos estudos é necessário do básico:

  1. Ambiente de Estudos: local sem distrações, sem pessoas conversando, silencioso e com privacidade.
  2. Planejamento de Estudo: você precisa ter um planejamento de pelo menos datas (quando serão as provas e saber quanto tempo você tem disponível para estudar).

Feito isso, vamos em frente!

Técnicas de Memorização #1 – Auto Explicação

É básica? Sim. Mas é fundamental.

Quanto mais você falar e debater sobre o assunto, melhor você irá entender ele. Tente não focar na “decoreba”, você precisa entender sobre o que está falando para que desta forma saiba entender a pergunta depois, certo?

O ideal é que você preste atenção, tome nota e faça uma Auto explicação.

Essa anotação não deve ser literal, você não pode simplesmente copiar tudo o que o professor fala ou anotar tudo o que você lê nos livros.

Confira este pequeno processo

  1. Estude muito
  2. Faça um resumo com suas palavras
  3. Explique este resumo para você mesmo.

Assim você estará trabalhando a ideia e isso vai ajudar a ficar melhor na sua memória.

Técnica #2 – Resolva Questões

Técnicas de memorização para concurso

Contudo, saiba que essa dica não é só de memorização, mas sim uma dica geral. Todo estudante de concurso público precisa resolver questões de outros concursos assim como simulados.

Sendo assim, uma vez que você capturou informação e a resumiu, quando fizer questões e simulados vai ser mais uma forma do conteúdo bater novamente na sua mente e assim ficar fresco na sua memória.

Técnica é baseada em experiência. Quanto mais você trabalhar em cima disso, melhor irá ficar.

Técnica #3 – Use Acrônimos

Para aqueles conteúdos que você realmente tem que memorizar e não consegue escapar, como por exemplo os princípios constitucionais no âmbito administrativo, você pode usar Acrônimos.

Mas o que é isso? Você já tinha ouvido falar?

Os acrônimos são uma forma bem simples de lembrar. Vamos usar o exemplo dos princípios constitucionais que falei acima:

Contudo, são eles: Legalidade, Impessoalidade, Moralidade, Publicidade e Eficiência. Para lembrar de forma simples lembrar de LIMPE.

  • Legalidade
  • Impessoalidade
  • Moralidade
  • Publicidade
  • Eficiência

Ou seja, você constrói uma palavra e adequa ela a um assunto. Assim ficará mais fácil lembrar de cada item na hora da questão.

Técnica #4 – Repetição Espaçada

Técnicas de memorização para concurso

Contudo, nossa próxima dicas dentre as melhores técnicas de memorização para concursos públicos, é a memorização por repetição espaçada.

Entretanto, preste atenção, não estou falando daquela repetição tipo decoreba, não é para ficar repetindo e repetindo apenas no momento do estudo.

A sua memória não é feita de torcida viu?

Ela funciona de um jeito muito sério e não adianta tentar enganá-la porque você pode se dar muito mal.

Veja abaixo como esta técnica funciona

Então vamos dizer que hoje é o primeiro dia que você estuda determinada matéria (dia 1).

Contudo, você estudou da maneira correta (fazendo auto explicação e resumo) e acabou seu tempo de estudo.

O que você deve fazer é o seguinte:

No dia 2 (próximo dia após estudar o que foi estudado no dia 1) você deve REVISAR esse conteúdo estudado.

Ainda não entendeu?

Em resumo: Você deve entrar em contato com o conteúdo que estudou SEMPRE.

Por fim, de preferência no dia seguinte após estudar o conteúdo e após isso, revisar toda semana.

Ou seja, você estará fazendo uma manutenção da sua memorização em longo prazo, e esta é uma das técnicas de memorização;

Técnicas de Memorização #5 – Alternância

Estudar um assunto por vez é pior do que estudar dois ou mais assuntos ao mesmo tempo. Isso é fato nas melhores técnicas de memorização.

Seu cérebro perde interesse por assuntos monótonos.

Por outro lado, se você varia os assuntos, seu cérebro tende a manter o interesse e a concentração.

A única restrição para não variar os assuntos é quando um for pré-requisito para o entendimento do outro.

Concluindo:

Vimos acima 5 técnicas de memorização INFALÍVEIS para conteúdo de concursos públicos.

Como eu disse anteriormente para vocês, esqueçam a maneira velha de decorar, é necessário entender, compreender e sempre poder comparar os assuntos para que você aprenda.

Agora que já sabe destas técnicas de memorização , que tal passar a aplica-las? Vamos juntos, rumo a aprovação!

O Estúdio Web está sempre repleto de dicas, principalmente para você concurseiro!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.